TORTURA: menino de 11 anos é resgatado dentro de barril onde era mantido acorrentado pela família

A crueldade aconteceu em São Paulo, na cidade de Campinas. O garoto informou para a Polícia Militar que comia fezes para matar a fome e que seu pai lhe dava banho gelado com água sanitária.

Após denúncias de moradores da região que constataram seu sumiço, os PMS chegaram ao local, onde presenciaram cenas fortes. O cubículo exposto ao sol quente e chuvas, era coberto por uma telha com uma pia de mármore por cima para evitar fugas.

Nu e com sinais severos de desnutrição, a criança não tinha como sentar ou agachar-se no pequeno espaço que permanecia. Assistiu os fogos de artifício da virada do ano através do único buraco feito no barril para respirar.

Fome e sede: garoto é resgatado pelos policiais

Seu pai disse que a atitude era “para educar” o filho, pois era muito “agitado”. O serviços gerais de 31 anos foi preso, assim como suas cúmplices: sua companheira e filha. Caso seja condenado, a pena mínima pelo crime varia de dois a oito anos.

A criança segue internada, recebendo os cuidados básico como alimentação adequada, porém sem previsão de alta devido a seu estado de extrema debilitação.

Fonte: G1 Foto: Arquivo Polícia Militar

Notícias Relacionadas

Horta comunitária beneficia famílias cachoeirenses.

redefan

CONVITE AUDIÊNCIA PÚBLICA!

redefan

VOCÊ SABE O QUE É BLEFAROPLASTIA?

redefan