Mudanças no atendimento aos suspeitos de Covid-19 a partir de segunda!

Tendo em vista o novo cenário da pandemia do coronavírus no Estado e, mais especificamente, numa avaliação do contexto local, a Secretaria Municipal da Saúde deu início ao processo de desmonte da grande estrutura que envolveu as unidades de assistência pelos últimos dois anos. Uma das primeiras tratativas será reduzir a um turno o expediente do Centro de Triagem da Covid-19 instalado junto a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Por esta razão, a partir da próxima segunda-feira os pacientes com suspeita da doença serão atendidos nesta estrutura somente no período das 20h às 8h. Pelas manhãs e à tarde, os usuários do SUS com sintomas gripais deverão dirigirem-se à rede de atenção básica, ou seja, aos seus postos de saúde de referência (mais próximo ao endereço residencial). O mesmo estará valendo, a partir da próxima semana, aos casos suspeitos de dengue.

Pacientes sintomáticos leves que apresentem pelo menos dois indícios gripais ou que tenham realizado exame em laboratório privado deverão procurar os postos de saúde em busca do teste e atendimento por profissional da saúde. Apenas casos considerados mais graves, com febre persistente e desconforto respiratório, por exemplo, serão atendidos diretamente ou encaminhados à UPA mediante prévia avaliação da equipe preliminar. Pelos novos protocolos do Ministério da Saúde, usuários do SUS sem sintomas, mesmo tendo tido contato com positivado, não são mais submetidos a testes e tampouco precisam de atendimento, a fim de evitar contato e possível transmissão do vírus aos demais ocupantes do ambiente na unidade sanitária.

Todos os postos aplicarão os testes na população, desde que obedecidos os critérios do Ministério da Saúde. “O nível da contaminação vem se estabilizando, com menos internações, redução das mortes, tudo graças à vacinação. É hora de ajustarmos recursos e força de trabalho no fortalecimento da rede de atenção básica”, avalia o secretário municipal da saúde, Marcelo Figueiró.

ATESTADOS PARA AFASTAMENTO

A Administração Municipal também está estudando alternativas junto a Procuradoria Jurídica que venham a flexibilizar a apresentação de justificativas para afastamento das atividades por suspeita ou confirmação da Covid-19. O objetivo principal é evitar a superlotação dos locais de atendimento público de saúde pela alta demanda em busca de atestados/laudos médicos. Embora documentos (em âmbitos federal e estadual) já tenham sido emitidos pregando o entendimento de que o laudo do teste já serviria como justificativa para isolamento, na prática as empresas privadas e até alguns setores do funcionalismo público continuam exigindo o documento em questão. São exemplos a Portaria Interministerial MTP/MS Nº 14, de 20 de janeiro de 2022, e a Nota Informativa Nº 42 CEVS/SES-RS.

ATENDIMENTO COVID-19 a partir de segunda, 04/04

Assintomáticos (que tenham feito teste em laboratório privado) e Sintomáticos leves:

Manhãs e tardes – Postos de saúde de referência do paciente sob suspeita da doença

Funcionamento: 7h às 12h e das 13h às 16h

Noites e madrugadas – UPA

Funcionamento: 20h às 8h

Sintomáticos moderados e graves:

UPA – independente do horário/turno

QUEM DEVE PROCURAR ATENDIMENTO

Pacientes sintomáticos com pelo menos 2 indícios de síndrome gripal

Casos considerados mais graves, com febre persistente e desconforto respiratório, por exemplo, serão atendidos diretamente ou encaminhados à UPA mediante prévia avaliação da equipe preliminar.

Texto: Viviane Souza

Atenciosamente,

Assessoria de Imprensa – Prefeitura de Cachoeira do Sul

Patricia Miranda
Eloisa Uliana
51-3724.6033

Notícias Relacionadas

Contas das multas do COVID não fecham e Trojahn cita CPI na prefeitura!

redefan

Se a maioria dos vereadores cobra a saúde, algo está errado!

redefan

Nova loja da Panvel traz agilidade, qualidade e conforto para os Cachoeirenses.

redefan