Polícia abre inquérito contra DJ Ivis e explica por que ele não foi preso!

A Polícia Civil do Ceará informou ao R7, na manhã desta segunda-feira (12), que abriu um inquérito para investigar as acusações de agressão de Pamella Holanda contra o ex-marido, DJ Ivis. Em nota, a SSPDS (Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social) explicou o motivo de o artista ainda não estar preso.

De acordo com o órgão, a prisão do DJ não pode ser efetuada, pois a denúncia foi feita dois dias depois do ocorrido. “A Polícia Civil informa ainda que as agressões ocorreram no dia 01, porém a vítima só registrou o caso no dia 03, não sendo possível a lavratura do flagrante. Desde o dia do registro da ocorrência, a PC-CE solicitou ao Poder Judiciário medidas protetivas de urgência em favor da vítima. Desde então o caso segue em investigação.”

Por fim, a polícia informa que as imagens compartilhadas por Pamella nas redes sociais, neste domingo (11), não tinham sido apresentadas a eles anteriormente: “Cabe ressaltar que as imagens das câmeras do circuito interno da residência, que comprovam as agressões, divulgadas em redes sociais neste domingo (11), não tinham sido apresentadas à Polícia. Mais detalhes serão repassados em momento oportuno do para não comprometer os trabalhos policiais”.

Notícias Relacionadas

Novembro Azul / Prevenção e tratamento / Realização: Câmara de Vereadores de Cachoeira do Sul

redefan

Câmara presta homenagem em Sessão Solene do Dia da Consciência Negra.

redefan

Filho de Marília Mendonça ainda não sabe da morte da mãe: ‘Para ele, ela foi trabalhar’

redefan